Archive for the ‘Sei lá…’ Category

Remember

Tuesday, August 30th, 2011

Enquanto a inspiração para escrever continua perdida por aí. Deixo aqui uma das minhas músicas favoritas de Josh Groban, uma das vozes mais lindas que já ouvi. E ao mesmo tempo, testo este mini flash player para um amiga. 😉 Enjoy!

P.S: Qualquer dia destes volto para escrever um post sobre o show de Josh Groban que assisti no mês de Junho deste ano.

Tudo ao mesmo tempo… agora

Thursday, November 18th, 2010

Durante este tempo de silêncio, o Jardim ficou parado, mas a vida continuou (opa… e não deveria ter sido diferente). Neste meio tempo, parei de trabalhar (comentei sobre isto por aqui), meu marido foi morar na Coreia do Sul por um ano (também comentei sobre isto por aqui) e eu voltei a não fazer nada; e a fazer muitos planos…

Quero voltar a estudar, mas estou cheia de dúvidas e incertezas. Não sei se enfio a cara em uma carreira completamente nova, que sempre me interessou muito; ou se volto para a Educação, o que sempre me fez muito feliz, mas hoje, me assusta bastante. Felizmente, grana não é problema. Antes de deixar a Casa Branca, o ex-presidente George W. Bush assinou uma lei, que talvez tenha sido a única coisa boa que ele tenha feito enquanto presidente. Os militares ativos que possuem o benefício da “GI Bill” (educação paga pelo governo, para resumir o “romance”) podem transferir seus benefícios para a esposa (ou esposo) ou para os filhos. Enfim, maridon transferiu os benefícios dele para mim e tenho 3 anos de ensino superior garantidos. Já arrumei minha papelada toda e, agora, preciso somente escolher o que quero fazer e mergulhar nos livros… Entretanto, não sei se escolho uma nova carreira, em Psicologia ou, como já disse antes, volto para a Educação.

Além de escolher um segundo curso universitário, também quero ser mãe; e aí a coisa complica mais um pouquinho. Se eu voltar para a Educação, precisarei estudar bastante, mas estarei navegando em águas tranquilas e familiares; mas se escolher entender melhor o comportamento humano, terei que estudar muito… e este “muito” será muitíssimo. Então, paro para pensar e surgem as perguntas: será que eu consigo encarar um segundo curso universitário e uma gravidez ao mesmo tempo? E depois, quando o baby chegar? Ser estudante e ser mãe de primeira viagem ao mesmo tempo? Consigo? E “mais depois ainda”… consigo estudar, ser mãe e trabalhar ao mesmo tempo? Porque se o meu caminho for a “Terapia”, 3 anos de estudo não serão suficientes.

Só tenho certeza de uma coisa: “Penso, logo existo.”; além disso, não sei de nada… E neste pensar, o tempo passa e eu continuo não fazendo nada. Agora alguém me responde: quando é que deixei de ser prática e comecei a pensar demais? O problema não é o pensar, o problema é o relógio. O tempo que eu tento ignorar, mas corre pelas minha veias como sangue.

E aí…? O que eu faço? Compro uma bicicleta?

P.S: Eu estava lá! O primeiro de muitos shows na minha vida. 🙂

Noite de terror… :(

Monday, November 3rd, 2008

Pois é… depois de tanta decoração, preparação e espera, a comemoração do primeiro Halloween na nossa casa nova, só não foi perfeita, porque um louco sem coração e com muita maldade na cabeça, conseguiu entristecer a comemoração de uma cidade inteira… e destruir a vida de uma família… 🙁

Segundo o “doente”: “Eu já recebi um tiro e não queria receber outro, vi pessoas ‘mascaradas’ vindo em direção a minha casa e pensei que seria roubado“.  Vinte e nove tiros destruiram os sonhos de um garotinho de 12 anos e a história de um família inteira.  Depois de uma festa no centro da cidade, uma família resolveu parar em uma casa com as luzes da varanda acessas (o que, no dia do Halloween, indica que aquela família está participando da brincadeira “Trick-or-Treat”) e foi recebida a tiros.  O pai e o filho mais novo ficaram feridos, mas estão em recuperação.  T.J; 12 anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu no hospital.

Sem explicação… 🙁

“Jesus, were you just around the corner
Did You think to try and warn her
Or are you working on something new
If there’s an order in all of this disorder
Is it like a tape recorder
Can we rewind it just once more”

– Wake up Dead Man, U2

P.S: Esta tragédia inexplicável aconteceu em um bairro há cerca de 10 minutos do bairro onde moramos. 🙁

Espelho

Monday, October 20th, 2008

A depressão é uma doença estranha.  Não é física, mas dói no corpo inteiro.  Não sangra, mas machuca; e no meu caso, parece ser eterna. Às vezes, única; outras vezes, mínima, mas sempre presente.

O ano passado, encarei a depressão de frente e aprendi a lidar com os meus sentimentos e pensamentos.  Antes, era dinossauro.  Hoje é pulga.  Incomoda, esconde-se e, muitas vezes, existe sem ser notada.

Eu ainda penso muito… Penso mais do que deveria pensar.  “Argumento” a vida. “Pondero” os segundos.  “Alongo” os minutos… mas aprendi a olhar para o lado e, logo em seguida, para o espelho.

Intrigas mentais…

Wednesday, July 16th, 2008

Evito assistir filmes violentos, dramáticos e tristes.  Evito assistir os telejornais e  programas de televisão recheados de tragédias e histórias tristes. Evito ler notícias sobre violência e ignorância.  Tento ignorar o mundo violento, egoísta e estúpido em que vivemos.  Tudo isso para controlar a minha ansiedade… não dar ouvidos ao “pânico”, ignorar o medo… Aí, fecho os olhos para dormir, e tenho sonhos A-B-S-U-R-D-O-S sobre assaltos e sequestros envolvendo minha família…  Acordo com uma angústia que não me permite respirar… com a sensação de que vou ter um ataque do coração.  Triste, angustiada, com a pulga atrás da orelha… De onde vem estes sonhos?  Quem escreve o rodeiro?  Produz? Dirige?

A mente humana é muito mais poderosa e complicada do que imaginamos… No mínimo, intrigante…

Falou, tá falado!

Tuesday, May 20th, 2008

Uma das quotes de hoje no “Quotes of the Day”, no iGoogle: “If life was fair, Elvis would be alive and all the impersonators would be dead.” – Johnny Carson

“Se a vida você* fosse justa, Elvis estaria vivo; e todos os seus imitadores estariam mortos.” O que seria de Vegas? Hehehe… 😉

By the way, já deu uma olhada nos temas do iGoogle feitos por artistas? Eu estou usando este aqui. Uma graçinha… muda de cenário de acordo com o horário do dia.

* Eh lêlê… meu cérebro está passando por uma fase meio estranha… recentemente, tenho notado que quando escrevo em Português, sempre faço uns erros absurdos… mas não são erros de gramática, ortografia ou digitação (que tb existem no meu blá blá blá); são trocas… uma coisa sem explicação… penso A e escrevo W… penso “fosse” e escrevo “você”… Vai entender… Curto circuito? Estranho…