Archive for the ‘DoRéMi’ Category

Remember

Tuesday, August 30th, 2011

Enquanto a inspiração para escrever continua perdida por aí. Deixo aqui uma das minhas músicas favoritas de Josh Groban, uma das vozes mais lindas que já ouvi. E ao mesmo tempo, testo este mini flash player para um amiga. 😉 Enjoy!

P.S: Qualquer dia destes volto para escrever um post sobre o show de Josh Groban que assisti no mês de Junho deste ano.

Norah

Thursday, December 10th, 2009

Norah Jones - Chasing Pirates (Single) Faz um tempão que não falo sobre música por aqui.  Um tempão mesmo.  O CD da Madonna saiu, ela foi p. o Brasil, começou a namorar o brasileiro xaropão, retornou ao Brasil; e eu não fiz comentário nenhum sobre Hardy Candy (que by the way, eu adoro!).  Então, para evitar que isso aconteça com o novo CD da Norah Jones…

The Fall é diferente, a primeira “ouvida” (RS): mais pop, menos jazz, menos meloso, menos romântico, mais melancolico; mas depois de algumas horas, você acaba reconhecendo Ms. Jones em cada segundo.  Na realidade, posso dizer que essa “virada”  chegou em boa hora.  Quem conhece o Jardim, sabe que sempre fui fã babona de Norah Jones, mas admito que o CD anterior, Not Too Late, não foi tão bom como o esperado.  The Fall é basicamente POP (POP Rock, talvez…), embora algumas músicas relembrem a influência country que dominou (e “estragou”) Not Too Late. Não é POP Britney (thank you!) ou Miley Cirus (sai do meu pé, jacaré!); ou seja, um POP pouco antenado com o que está nas rádios americanas atuais, mas sim um POP extremamente anos 80, simples, cru e único.  Algumas revistas e websites estão classificando o álbum como “rock”, mas na realidade, além da guitarrinha… o resto é Norah, é POP, é jazz, é country… uma saladinha de fruta que faz você torcer o nariz quando ouve a primeira música “Chasing Pirates” e fechar os olhos na  décima segunda “December”.  É bom… vale o seu rico dinheirinho.  🙂

Man in the Mirror

Thursday, June 25th, 2009

“A Willow Deeply Scarred
Somebody’s Broken Heart
And A Washed-Out Dream
They Follow The Pattern Of The Wind, Ya’ See
Cause They Got No Place To Be
That’s Why I’m Starting With Me

I’m Starting With The Man In The Mirror
I’m Asking Him To Change His Ways
And No Message Could Have Been Any Clearer
If You Wanna Make The World A Better Place
Take A Look At Yourself And Then Make A Change”

Antecipação

Monday, February 23rd, 2009

Poucas coisas me fazem contar os dias.  Quando o assunto é música, por exemplo, conto os dias e as horas para o lançamento de um novo álbum do U2. 🙂

No Line On The Horizon” tem sido esperado por alguns meses; e desde a gravação,  tem recebido elogios das revistas e meios da mídia especializados.  A edição 1073 da revista Rolling Stone traz uma revisão comprida e detalhada sobre o novo álbum, “premiado” com 5 estrelas, por David Frickle. A chamada na capa diz: “U2’s Five-Star Masterpiece“; e o  resumo no índice  diz que o álbum é o melhor desde “Achtung Baby”.

Mal posso esperar!  Eu A-M-O “Achtung Baby“, que na minha simples opinião, foi um marco na história e evolução do rock, no início dos anos 90, paralelo ao movimento Grunge. Tenho todos os CD’s e DVD’s do U2.  Mergulho na voz de Bono e viajo nos shows da banda.  Bono canta, interpreta e representa. Quem não vibra com MacPhisto e suas ligações bizarras para a Casa Branca, ONU, etc; nos shows da turnê ZooTV? E a interpretação única de “One”?

Anyway, comprei o primeiro single do álbum que será lançado dia 03 de março, e posso dizer… “Get On Your Boots” é uma mistura de “Vertigo”, “Even Better than the Real Thing” + uma pitadinha de “nostalgia” dos anos 70; ou seja, U2 da primeira nota a última: único e inovativo, com marca registrada. 😉

Atualização: O novo site do U2 está up and running! Por lá, você pode ver o clipe de “Get On Your Boots” e ouvir um preview de 34 segundos de cada música do novo CD.

Primeira impressões? Lembra Achtung Baby, mas tras novos elementos da música mundial.  Estou contando os segundos… 😉

Tic-Tac

Wednesday, December 3rd, 2008

Lembram da capa de “Nevermind” do Nirvana?

1991

2008

Se sentiram velhos?  🙁  Eu também.   Socorro!  😉

De onde?!

Saturday, October 11th, 2008

Ai meu deusinho… de onde vem esta voz?

A mulher abrea a boca e sai assim?  Sem esforço nenhum…? 😉  Tem gente que nasce pra cantar, não?

Qual é a música?

Wednesday, September 24th, 2008

E em falar em música…  Vocês não sabem, mas o ano passado, maridon me deu um karaokê super bom.  Ahã, podem rir… eu amo cantar!  Anyway, vocês também não sabem, mas maridon canta mal pra caramba. *Hahaha*. Uma das músicas favoritas da lista de karaoke dele é “Space Oddity” do David Bowie, que é uma “tortura” na voz do meu branquelo (tortura de fazer a gente sair da sala para respirar um ar fresco *hehehe*).  Pois bem… a Lincoln lançou um comercial novo que eu adoro e…. advinha a música?

Uma cover maravilhosa, gravada por “Cat Power” (que tb é 1000, e eu amo).

Eu e minha paixão por soundtracks… até de comerciais. 😉

Nine

Monday, December 11th, 2006

Poucas vozes se completam como essas duas…

“9 crimes” é o primeiro single de trabalho do novo cd de Damien Rice, “9”. (Se você não lembra ou “pensa que nunca ouviu falar no moçinho”, clique em “Radioblog”, no menu superior deste blog, e procure por “The Blower’s Daughter”.) A música de Damien Rice é cheia de dor, agônia e figuras; mas ao contrário do que deveria ser: as vozes calmas, as letras doloridas e as notas pausadas e simples da música de Mr. Rice, para mim, funcionam como um banho quente de chuveiro.

P.S: Ah? As vozes? Damien Rice e Lisa Hannigan.

P.S 2: Antes que as minhocas comecem a pensar, repensar e questionar… a letra da música “9 crimes” não tem relação alguma com a minha vida. Aliás, é esquisita… assim como o vídeo oficial do single… esquisitos e encantadores. 🙂