Archive for the ‘Cookando’ Category

Batatas

Wednesday, February 17th, 2010

Hmmm… batata é uma perdição.  Se é de batata é bom, né não? Aprendi uma receita super simples, rápida e gostosa.  A receita não tem nome, mas tem um cheiro… RS

Ingredientes:

  1. – batatas (usei 4 grandinhas, para 2/3 pessoas),
  2. – 1 tabletinho de caldo de carne (ou do que você gostar: frango, legumes, etc.),
  3. – água (usei duas xícaras… só para batata “nadar” mesmo),
  4. – queijo (o que você gostar… eu usei mild cheddar)

Modo de preparo:

  1. 1. Em uma panela  (eu usei um frigideira grande e funda) adicione as batatas picadas (cubos pequenos, mas não minúsculos), a água e o caldo de carne;
  2. 2. Cozinhe até as batatas até ficarem molinhas (no ponto de amasssar para fazer purê de batata) e a água diminuir e virar um caldinho grossinho (é por isso que não se deve acrescentar muita água);
  3. 3. Coloque as batatas em um forma e as cubra com o molho feito no cozimento das batatas;
  4. 4. Cubra tudo com muito queijo e leve ao fôrno para o queijo derreter e ficar coradinho…
  5. 5. Coma, coma e coma… RS 😉

Super extra vapt-vupt!

Tia Anastácia e suas ferramentas modernas. ;)

Tuesday, September 1st, 2009

Faz um tempão que não escrevo um post bem doméstico e consumista.  Hoje, durante as “preliminares” da preparação do jantar, resolvi listar algumas coisas que são extremamente essenciais na minha cozinha, além do básico:

1. Food Saver:  Aquele “treco” enorme que aspira todo o ar de saquinhos especiais e potes, com a intenção de conservar os alimentos frescos por mais tempo e evitar que as carnes sejam “queimadas” no freezer.

Há alguns anos atrás, comprei uma cópia barata do Food Saver e acabei jogando meu dinheiro no lixo;  o aparelho da Black & Decker parou de funcionar logo e não era tão bom quanto prometia ser.   No começo deste ano, investi em um Food Saver original (o linkado aqui) e estou super satisfeita com a compra.  Além de manter tudo fresquinho e gostoso, o pote e a função de “temperar” alimentos são maravilhosos.  A carne fica super bem temperada em poucos minutos.  Você só precisa colocar a carne e o tempero no pote, aspirar o ar e pronto; em 30/40 minutos até um pedaço de carne grande, para ser assado, fica temperado como se tivesse sido preparado com um dia de antecedência.  Amo!

2. Slow Cooker / Crock Pot: Aquelas panelas elétricas de cerâmica, usadas para cozinhar o alimento bem devagar e manter a comida quentinha.  Tenho duas, uma pequena e uma grande.  Uso a pequena para manter molhos e patês quentinhos (além de preparar receitas para uma pessoa só, quando o maridon viaja); e a grande para preparar receitas, quando não posso ficar prestando atenção no fogão.  Antes de voltar a trabalhar fora, eu já usava bastante as minhas slow cookers.  Agora, uso muito mais; coloco todos os ingredientes na panela, saio para trabalhar e quando volto a comida está pronta, fresquinha e quentinha, como se eu tivesse passado o dia inteiro na cozinha. 😉  Aí é só preparar o arrozinho branco (em uma arrozeira, enquanto tomo banho) e hmmm… comer uma refeição gostosa, feita em casa. 🙂

A maioria das receitas preparadas em uma slow cooker ficam prontas de 5/6 à 8 horas (ou mais); ou seja, perfeito para quem gosta de comida caseira, mas não tem tempo suficiente para ficar com o umbigo no fogão.

Além disso, a energia elétrica utilizada é mínima.

3. George Foreman Grill – Outro aparelinho elétrico que é show.  Prepara alimentos grelhados rapidinho sem muita sujeira e sem muita gordura (no caso das carnes).  Tenho um pequeno e quero um grande.  Sem comentários… é pá-puf, em minutos vc prepara um bifinho grelhado gostoso e saudável. 🙂

4. Panificadora / Máquina de fazer pães: Minha mãe comprou uma e adorou, eu segui o exemplo, comprei uma e amei.  Agora, só como pão feito na minha Breadman (linkada).  Paguei $45 dólares pela bichinha e adoro todos os pães feitos nela, inclusive e principalmente, o pão francês, totalmente brasileiro… crocante por fora e fofinho por dentro.  RS 😉

5. “Guardador de Batatas” da Tupperware: Para quem gosta de organização na casa e na cozinha, este potão é a solução perfeita para guardar batatas; cabe em qualquer armário da cozinha sem ocupar muito espaço, mantém as batatas frescas e, é claro, guardadas de forma organizada. 😉

Fazia um tempão que eu estava procurando por alguma coisa como este “guardador de batatas”; encontrei na revista da Tupperware de uma colega de trabalho, comprei e adorei.  É um pouquinho carinho, mas vale o preço.

Ufa… por hoje é só.  Qualquer dia destes volto a falar sobre coisinhas essenciais na vida de uma dona de casa. 😉

Direto do Porto

Thursday, October 12th, 2006

No post de hoje, no Colagem, a Lú comentou sobre Catupiry e todas as delícias que ela já preparou com o mesmo. Então, entrei no mesmo barco e… para os que gostam de peixe (também), que tal uma bacalhoada feita com o bom e velho bacalhau Português? No Brasil, encontra-se bacalhau em qualquer supermercado, mas na Terra do Tio Sam, bacalhau seco e salgado não é nada fácil de se encontrado. O fresco? Sim; mas o salgado… E daí? E daí! Olha só o que eu encontrei… 😉

Maridon detesta peixe e tudo o que vem do mar, mas eu amo! Na minha visita recente ao Brasil, minha mãe preparou AQUELA bacalhoada… Estou pensando em acrescentar um prato muito especial ao meu almoço de Dia de Ação de Graças… Que tal? Alguém quer aparecer por aqui? 😉