Plantar Fasciitis…

É o resultado de uma dorzinha chata nas pernas que me acompanha desde que eu tinha uns 20 anos (ou seja, coloque anos nisto) e que sempre foi ignorada.  Há uns 4 meses… passou das pernas para os pés e, todos os dias de manhã, levantar da cama e começar a andar tornou-se uma tortura.  Bom, tomei vergonha na cara e fui ao médico, que me recomendou especialistas.  Tenho consulta com um pedicuro (médico especialista em pés) na sexta-feira que vem; e já comecei terapia física (fisioterapia) quinta-feira passada.

Aparentemente, tenho “plantar fasciitis” (fasciíte plantar), ou seja, o tecido que cobre os  músculos da planta do até  o calcanhar batata da perna está “inflamado”; e os  músculos do meu tornozelo e batata de perna super “apertados”.  O tratamento inicial consiste em exercícios para “esticar”/alongar os músculos da batata da perna e do tornozelo e, deste modo, “desenferrujar” minhas pernas e aliviar a pressão no tal tecido. 😉

Além dos exercícios, devo usar tênis ou sapatos, o dia inteiro.  Ou seja, pés descalços, somente quando necessário (eu detesto usar sapatos dentro de casa, por conforto, mas por higiêne também).  Do contrário, terei que usar duas talas enormes, feias e desconfortáveis para dormir… 🙁

Tudo isso coincide com a minha volta ao mundo da malhação.  O remédio anti-depressivo que tomei o ano passado me fez adquirir alguns quilos (que nem quilinhos são… sniff sniff) a mais (além, é claro, da própria depressão que engorda e não ajuda a “malhação em nada).

Então… chegou a hora de tirar a bunda do sofá e malhar tudo… não somente os músculos das pernas. 😉

Quem não gosta de samba bom sujeito não é. É ruim da cabeça ou é doente do pé.” E olha que é verdade…  Hehehe!

UPDATE: Aqui estão os três exercícios que tenho que fazer 4 vezes ao dia (1 minuto para cada perna).

Em minha pesquisa por páginas em Português sobre o assunto, encontrei uma página que tem como recomendação “andar descalço”, o que segundo trocentos outros websites e minha fisioterapeuta é um  big NO-NO para quem tem estas dores, porque só piora a situação.  É por estas e outras que devemos consultar especialistas e não acreditar em qualquer site que encontramos pela frente.

One Response to “Plantar Fasciitis…”

  1. Mauro Says:

    Hahaha quando vi o título do post no meu RSS reader achei que era alguma coisa sobre jardinagem! 😛