De volta para o futuro

Contas de telefone altas e taxas de ligações internacionais são coisas do passado… pelo menos para os milhares de brasileiros que vivem no exterior. Atualmente, os brasileiros que vivem nos Estados Unidos podem escolher entre centenas de companhias que prestam serviços VoIP (Voice over IP; ou simplesmente, um serviço de comunicação por voz, através da internet) e pagar de 0,02 centavos à 0,05 centavos de dólar, o minuto de uma ligação dos Estados Unidos para o Brasil.

Há algumas semanas atrás, resolvi testar um destes serviços e “incrementar” a minha conta no Skype. Assinei um número SkypeIn em São Paulo; e comprei créditos do SkypeOut. Skype é um serviço de chat por voz, via internet. O serviço básico, ligação de computador para computador, é gratuito, mas qualquer usuário do programa pode comprar créditos SkypeOut e fazer ligações do seu computador para um telefone qualquer no Brasil (ou em outro país do mundo), pagando tarifas baixíssimas. Além disso, a “empresa” Skype está testando um novo serviço , o”SkypeIn” (ainda em fase beta, embora esteja disponível a qualquer usúario). O SkypeIn consiste na assinatura de um serviço trimestral ou anual, em que o usuário escolhe e assina um número de telefone local, na cidade e país de sua preferência e, deste modo, passa a possuir um número de telefone através do qual pode receber ligações normais de qualquer telefone, em seu computador (ou seja, seus amigos e parentes podem ligar para você e pagar tarifa local – da cidade em que você escolheu o número – sem se preocupar com o roubo das tarifas internacionais).

Até aí, a coisa parece bastante interessante, mas um tanto quanto “desconfortável”; “atender o telefone no computador não é nada ‘natural’ e prático“; é o que pensamos, quando analisamos todos os pós e contras do serviço VoIP. Bom… mas é exatamente neste ponto, que o futuro-usuário-VoIP, desinformado, engana-se. Atualmente, com o crescimento do serviço VoIP no Estados Unidos (na realidade, no mundo inteiro), os fabricantes de aparelho de telefone já colocaram disponíveis no mercado, aparelhos de telefone que são conectados ao seu computador via USB e funcionam como um aparelho de telefone normal.

CIT200 Depois de pesquisar bastante, comprei o telefone sem-fio da Linksys, uma das empresas pioneiras na telefonia VoIP e nos aparelhos de telefone sem-fio para o serviço. Assim como qualquer outro aparelho de telefone wireless; o handset (o aparelho em si), funciona através de uma base conectada ao serviço telefônico, neste caso, ao seu computador. Infelizmente, neste caso, o telefone só funciona, se o computador estiver ligado e conectado ao serviço Skype (porque é um modelo fabricado para o Skype); mas já existem modelos de telefone, que funcionam sem o computador (apesar de ainda serem extremamente caros…) ou através de modems especiais (oferecidos por outras empresas, como, por exemplo: a Vonage, entre outras centenas de opções).

Anyhow, estou amando o serviço SkypeIn e SkypeOut. As ligações são muito boas, o preço das tarifas são escadalosos de baixos; e a diferença da qualidade entre o serviço telefônico normal e o VoIP, é mínima (para o usuário atento). Entretanto, é importante lembrar que o serviço VoIP não substitui 100% o serviço telefônico normal. O usuário VoIP deve manter sua linha de telefone normal para os casos de emergência. Apesar de ser muito bom, o serviço VoIP depende da internet e do seu provedor de acesso à mesma (além, é claro, do seu hardware: computador, modem… patati e patata); ou seja… as conexões broadband são milhares de vezes melhores do que as velhas (e quase aposentadas) conexões dial-up, mas… ainda, podem falhar… e daí, no caso de emergência… o bom e velho telefone, ainda é a melhor solução. 😉

*Ufa… cansei! 😉

P.S: Por que escolhi o Skype? Por que uso o Skype há muito tempo e confio na qualidade do serviço prestado pela empresa. Além disso, com o Skype, não existe nenhum tipo de compromisso e contrato mensal (ou anual). Você usa quando quer e não precisa comprar nenhum aparelho especial; você pode usar qualquer serviço, utilizando somente um phone de ouvido e um microfone. Os acessórios extras são escolhas do usuário (eu, of course, adoro coisas novas e não resisti a um acessoriozinho básico… Hahaha…).

Comments are closed.